O projeto

Este projeto foi recebido pela primeira vez há alguns anos em um ritual de Ayahuasca e venho estudando e completando ele a cada novo ritual. No último, recebi plantas, textos e regras de funcionamento.

Basicamente será um espaço entre 10.000 e 15.000 m2 com uma oca xamânica para rituais e vivências, um prédio entre 10 a 20 salas de atendimento para terapias holísticas no térreo e no andar superior, salas de aula e cursos, todos voltados para a área holística.

Teremos um jardim Zen para meditação, um espaço para meditações dirigidas e aulas de cantos e mantras, alojamento para quem vem de fora fazer cursos de fins de semana, um restaurante vegano.

Tudo feito para ser autossustentável e ecologicamente construído.

Este projeto foi divido em 5 fases:

  1. Criação de um grupo de estudos, o GECM, iniciado em novembro de 2015
  2. Atendimento Social e Doação para o Universo pelo GECM, iniciado em junho de 2016;
  3. Criação do IEEC – Instituto de Estudos de Consciência e Mente, novembro de 2019;
  4. Criação do escritório e sede provisória do IEEC, para atendimentos e reuniões do grupo, prevista para fevereiro de 2020;
  5. Criação do IEEC, conforme o projeto inicial, foco dos trabalhos a partir de fevereiro de 2020.

A ferramenta recebida para os atendimentos sociais e consultas, o RFA (Resgate de Fractais de Alma), objeto de estudos e constante desenvolvimento deste grupo, é ministrada em curso regulares. Caso você tenha interesse em conhece-la, entre em contato conosco.

Arlindo Matheus Marcon Junior